Seguidores

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

31/01/1542 – Descoberta das Cataratas do Iguaçu.





 Historicamente, o primeiro europeu a achar as Cataratas do Iguaçu foi o espanhol Álvar Núñez Cabeza de Vaca, em 31 de janeiro de 1542.









 A ÁREA DAS CATARATAS DO IGUAÇU 
 ( EM ESPANHOL, CATARATAS DEL IGUAZÚ )
 SÃO UM CONJUNTO DE CERCA DE 275 QUEDAS DE ÁGUA NO RIO 
 IGUAÇU ( NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARANÁ), LOCALIZADA 
 ENTRE O PARQUE NACIONAL DO IGUAÇU, PARANÁ, NO BRASIL, E O 
 PARQUE NACIONAL IGUAZÚ EM MISIONES ,NA ARGENTINA, FRONTEIRA 
 ENTRE OS DOIS PAÍSES. A ÁREA TOTAL DE AMBOS OS PARQUES NACIONAIS, CORRESPONDEM A 250 MIL HECTARES DE FLORESTA 
SUBTROPICAL E É CONSIDERADA PATRIMÔNIO NATURAL DA HUMANIDADE. O 
PARQUE NACIONAL ARGENTINO FOI CRIADO EM 1934; E O PARQUE NACIONAL 
BRASILEIRO EM 1939, COM O PROPÓSITO DE ADMINISTRAR E PROTEGER O 
MANANCIAL DE ÁGUA QUE REPRESENTA ESSA CATARATA E O CONJUNTO DO 
MEIO AMBIENTE AO SEU REDOR. OS PARQUES TANTO BRASILEIRO COM 
ARGENTINO PASSARAM A SER CONSIDERADOS PATRIMÔNIO DA HUMANIDADE 
EM 1984 E 1986, RESPECTIVAMENTE.








A LENDA DAS CATARATAS DO IGUAÇU






Os Índios Caigangues,habitantes das margens do Rio Iguaçu,acreditavam que o mundo era governado pelo deus-serpente M´Boy,que todos os anos queria uma moça bonita em sacrifício.O deus-serpente quis naipi,mas a bela índia era apaixonada por tarobá,um bravo guerreiro.Os dois,ao tentar fugir de canoa,despertaram a furia de M´Boy,que então penetrou as estranhas da terra,produzindo uma enorme fenda,onde se formou a gigantesca catarata.Diz a lenda que naipi foi transformada em uma das rochas centrais das Cataratas,e taborá tornou-se uma palmeira inclinada sobre a garganta do rio.






Cataratas do Iguaçu é eleita umas das Sete Maravilhas da Natureza












TIVE O PRIVILÉGIO DE CONHECER ESTA MARAVILHA EM 2009 , A EMOÇÃO 
É INDESCRITÍVEL ... 




GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER 



segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

PARA UMA BOA REFLEXÃO MEUS QUERIDOS ...

                                      
                             A VERDADEIRA ALQUIMIA







        Certa vez um andarilho apareceu numa aldeia da Idade Média. Dirigiu-se à praça central da cidade, anunciou-se como alquimista e disse que ensinaria como transformar qualquer tipo de metal em ouro. Algumas pessoas pararam para ouví-lo e começaram a proferir gracejos e ridicularizá-lo.
O estranho não se abalou com as chacotas, pediu um pedaço de metal e alguém lhe entregou uma ferradura, um outro lhe ofereceu um prego. O alquimista então pegou ambas as peças, e ainda sob as risadas dos incrédulos, colocou-as numa pequena vasilha e derramou sobre elas o conteúdo de um frasco que havia retirado de sua sacola. Permaneceu alguns segundos em silêncio e o fenômeno aconteceu: a ferradura e o prego tornaram-se dourados.
Uma sensação de espanto percorreu a multidão que se avolumava cada vez mais na praça. O alquimista levantou as peças de ouro para que todos pudessem admirar a transmutação. Um ourives presente no local pediu para examinar os objetos e foi atendido.
Em pouco tempo, revelou serem as peças de ouro puríssimo como nunca tinha visto. As pessoas agitaram-se e agora queriam ouvir.
O alquimista então pegou um grosso livro de sua sacola e disse estar nele o segredo da transmutação dos metais em ouro. Em seguida, entregou o livro a uma criança próxima e partiu tranqüilo. Ninguém o viu ir embora, pois todos os olhos mantiveram-se fixos no objeto nas mãos da criança.
Poucos dias depois, a maioria das pessoas possuía uma cópia do valioso manuscrito, assim a receita para produzir ouro passou a ser conhecida por todos. Contudo, a fórmula era complexa.
Exigia água destilada mil vezes no silêncio da madrugada e ingredientes que deveriam ser colhidos em noites especiais e em praias distantes. Era muito penoso ficar mil noites em silêncio esperando a água destilar. Além disso, procurar os outros ingredientes era muito cansativo.
No início todos puseram as mãos à obra, mas com o passar do tempo, as pessoas foram desistindo do trabalho. Diziam que a fórmula era apenas uma galhofa deixada pelo alquimista para mostrar como eram tolos.
As pessoas foram desistindo. E, à medida que desistiam, tentavam convencer os outros a fazerem o mesmo. Assim, muitos e muitos outros, influenciados pelos primeiros, também desistiram.
Mas, um pequeno grupo prosseguiu com o trabalho. Apesar de ridicularizados pelo resto da aldeia, continuaram destilando a água e fizeram várias viagens juntos à procura dos ingredientes da fórmula.
O tempo correu e a quantidade de histórias divertidas, de situações que eles passaram juntos, de mudanças pessoais de cada um desde que começaram a seguir a fórmula, cresceu. E o grupo dos aprendizes de alquimia tornou-se cada vez mais unido. Converteram-se em grandes amigos.
Até que em um mesmo dia, todos tinham começado juntos, e viraram a última página das instruções do livro, e lá estava escrito:

“Se todas as instruções foram seguidas, você tem agora o líquido que, derramado sobre qualquer metal, transforma-o em ouro. Entretanto, agora você já percebeu que a maior riqueza não está no produto final obtido, mas sim no caminho percorrido. O que nos torna infinitamente ricos não é a quantidade de ouro que conseguimos produzir, mas as conquistas que obtivemos em busca do tesouro: o conhecimento das riquezas como o amor, a amizade, a paciência, o perdão, a persistência, o valor dos sacrifícios feitos nessa busca. A transformação interior obtida: esta é a verdadeira alquimia".



DESCONHEÇO A AUTORIA DO TEXTO, VALEU A PENA LER E 
COMPARTILHAR COM VOCÊS !!!

ABRAÇO CARINHOSO E FRATERNAL ...

GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER


sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

A CHAMA QUE NOS MOVE É O AMOR (3) ...

                                                       LUA E SUA TRAJETÓRIA 




                                              GOSTA DE FAZER POSE PARA FOTOS 
                                                    TEM CARISMA QUE É SÓ SEU ... 
                            E UM BRILHO NO OLHAR QUE MOSTRA O QUANTO 
                                                               QUER VIVER !!! 






FUI PASSAR UNS DIAS EM PIÚMA/ES. ATÉ TROCAR FRALDAS DA LUA APRENDI,
"... LEVANTEI CEDO , MINHA IRMÃ AINDA DORMIA E LUA RESMUNGAVA NO 
QUARTO, ENTREI PARA PEGA-LA E LUA JÁ TINHA TIRADO A FRALDA SOZINHA 
E NÃO PODERIA SOLTA-LA ASSIM ...
ENTÃO, COMO NÃO CONSIGO ME ABAIXAR , SENTEI NA CAMA E FALEI COM 
ELA: - LUA, VOCÊ TEM QUE ME AJUDAR  ...
CASO CONTRÁRIO VAI TER QUE CONTINUAR NO QUARTO ...
PARECE QUE ELA ENTENDEU E SE ARRASTOU PARA O CANTO PERTO E 
CONSEGUI COLOCAR A FRALDA SEM MUITO ESFORÇO ... "


OUTRA DA LUA: 


"... LEVANTAMOS CEDO PARA IR NA PRAIA, ESTAVAM LÁ AS CRIANÇAS 
DA FAMÍLIA , CARLOS EDUARDO DE TRÊS ANOS ESTAVA COM UM PÃO 
NA MÃO CORRENDO PARA LÁ E PARA CÁ E LUA TAMBÉM ESTAVA SOLTA.
PASSADO ALGUM TEMPO O CARLOS EDUARDO ENTROU NA COZINHA 
CHORANDO, A MÃE PENSOU QUE LUA TINHA MORDIDO ELE, FUI PARA
FORA VER ONDE A LUA ESTAVA , E LÁ ESTAVA ELA COMENDO O PÃO QUE
SORRATEIRAMENTE FURTARA DO CARLOS EDUARDO ... " 









E LUA GRAÇAS A DEUS ESTÁ BEM E APRONTANDO VEZ E OUTRA ... 
MAS, SEMPRE COM UM OLHAR DE QUEM NÃO ESTÁ ENTENDENDO 
NADA ... ELA É UMA GRAÇA, COMO SEMPRE FALO : 
- LUA, SÓ FALTA FALAR E AS VEZES TENTA , QUANDO COMEÇA A 
RESMUNGAR !!!


* ELA AINDA NÃO TEM CADEIRINHA ( foi encomendada e teve um problema), 
MAS, DAQUI UM TEMPO LUA ESTARÁ DE CADEIRINHA .


QUEM AMA CUIDA ... 
LUA É MUITO AMADA E TEM MUITO A ENSINAR !!!








GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER






Oração dos Animais

Senhor!
Venho te pedir pelo ser humano!
Venho te pedir por aqueles que ainda não descobriram a nossa missão na Terra........
Venho te pedir por aqueles que nos maltratam, e que não sabem que estão jogando fora a oportunidade de exercitar conosco o carinho de que mais tarde irão precisar........
Venho te pedir por aqueles que nos abandonam nas ruas, em abrigos, em latas de lixo...
Eles não sabem que estão plantando a semente do amanhã, e que mais tarde também irão sofrer o abandono na mão dos filhos, e que também irão amargurar em asílos.....
Venho te pedir por aqueles que nos acorrentam, nos amarram, sem comida e sem água. Não sabem que um dia estarão sedentos de amor, de carinho.
Venho te pedir, Senhor, por todos nós, seres de 2 ou 4 patas, que habitam este espaço terrestre.
Peço Senhor, que os humanos, possam finalmente aprender a grande lição que tentamos incansavelmente ensinar a todos eles: a do amor incondicional.
O Amor verdadeiro.
Olhe por nós!

                                                    Amém





quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

PARA UMA BOA REFLEXÃO E MOTIVAÇÃO ...

                  A FÁBULA DA ÁGUIA E DA GALINHA




Esta é uma história que vem de um pequeno país da África Ocidental, Gana, narrada por um educador popular, James Aggrey, nos inícios deste século, quando se davam os embates pela descolonização. Oxalá nos faça pensar sempre a respeito.


"Era uma vez um camponês que foi à floresta vizinha apanhar um pássaro, a fim de mantê-lo cativo em casa. Conseguiu pegar um filhote de águia.
Colocou-o no galinheiro junto às galinhas. Cresceu como uma galinha.
Depois de cinco anos, esse homem recebeu em sua casa a visita de um naturalista.

Enquanto passeavam pelo jardim, disse o naturalista:
- Esse pássaro aí não é uma galinha. É uma águia.
- De fato, disse o homem.- É uma águia. Mas eu a criei como galinha. Ela não é mais águia. É uma galinha como as outras.
- Não, retrucou o naturalista.- Ela é e será sempre uma águia. Este coração a fará um dia voar às alturas.
- Não, insistiu o camponês. Ela virou galinha e jamais voará como águia.
Então decidiram fazer uma prova. O naturalista tomou a águia, ergueu-a bem alto e, desafiando-a, disse:
- Já que você de fato é uma águia, já que você pertence ao céu e não à terra, então abra suas asas e voe!
A águia ficou sentada sobre o braço estendido do naturalista. Olhava distraidamente ao redor. Viu as galinhas lá embaixo, ciscando grãos. E pulou para junto delas.
 O camponês comentou:
- Eu lhe disse, ela virou uma simples galinha!
- Não, tornou a insistir o naturalista. - Ela é uma águia. E uma águia sempre será uma águia. Vamos experimentar novamente amanhã.
No dia seguinte, o naturalista subiu com a águia no teto da casa.
Sussurrou-lhe:
- Águia, já que você é uma águia, abra suas asas e voe!
Mas, quando a águia viu lá embaixo as galinhas ciscando o chão, pulou e foi parar junto delas.
O camponês sorriu e voltou a carga:
- Eu havia lhe dito, ela virou galinha!
- Não, respondeu firmemente o naturalista. - Ela é águia e possui sempre um coração de águia. Vamos experimentar ainda uma última vez. Amanhã a farei voar.
No dia seguinte, o naturalista e o camponês levantaram bem cedo. Pegaram a  águia, levaram-na para o alto de uma montanha. O sol estava nascendo e
dourava os picos das montanhas.
O naturalista ergueu a águia para o alto e ordenou-lhe:
- Águia, já que você é uma águia, já que você pertence ao céu e não à terra, abra suas asas e voe!
A águia olhou ao redor. Tremia, como se experimentasse nova vida. Mas não voou. Então, o naturalista segurou-a firmemente, bem na direção do sol, de sorte que seus olhos pudessem se encher de claridade e ganhar as dimensões do vasto horizonte.
Foi quando ela abriu suas potentes asas.
Ergueu-se, soberana, sobre si mesma. E começou a voar, a voar para o alto e voar cada vez mais para o alto.
Voou. E nunca mais retornou."


Existem pessoas que nos fazem pensar como galinhas. E ainda até pensamos
que somos efetivamente galinhas. Porém é preciso ser águia. Abrir as asas e voar. Voar como as águias. E jamais se contentar com os grãos que jogam aos pés para ciscar.” 

 
Extraído de artigo publicado pela Folha de São Paulo, por Leonardo Boff, teólogo, escritor e professor de ética da UERJ.


PENSEM NISSO ... 

GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER 

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

REVELAÇÃO DO MOLEQUE REVOLTADO ...



ESTA HISTÓRIA ACONTECEU NO VALE DA ESTAÇÃO , UM VILAREJO DE DOMINGOS MARTINS/ES., DÉCADAS ATRÁS ...




NUMA ÉPOCA EM QUE A PUREZA E A INOCÊNCIA DAS

CRIANÇAS SE FAZIA PRESENTE ...

MAS , CRIANÇA É CRIANÇA E SEMPRE TEM UM QUE É

MAIS MOLEQUE QUE OUTROS E NO VALE DA ESTAÇÃO

NÃO ERA DIFERENTE ,TAMBÉM TINHA O SEU MOLEQUE ,

QUE SEMPRE APRONTAVA ...




... COMO O NOME DO VILAREJO JÁ DIZIA , VALE DA ESTAÇÃO ,

É UMA ESTAÇÃO E SUAS CASINHAS AO REDOR E COM MUITOS

DORMENTES DE MADEIRA TAMBÉM ...

A CRIANÇADA INVENTAVA BRINCADEIRAS E ASSIM PASSAVAM

O DIA ...

UM BELO DIA UM SENHOR SE ACIDENTOU QUANDO PASSAVA EM

CIMA DE UM DORMENTE , FUROU O PÉ COM UM PREGO ...

O PREGO ESTAVA VIRADO COM A PONTA PRA CIMA E COM CERTEZA

ALGUÉM TINHA FEITO AQUILO ...

QUEM ???

FALARAM QUE FOI O MOLEQUE QUE VIVIA APRONTANDO ...

O PAI DELE QUE TRABALHAVA NA LINHA FÉRREA , ESTAVA

CHEGANDO DO TRABALHO QUANDO FICOU SABENDO DO FATO ,

FOI PARA CASA E ESPANCOU O MOLEQUE A TAL PONTO QUE

QUEBROU AS DUAS PERNAS DO COITADO ...

O MOLEQUE TEVE AS DUAS PERNAS ENGESSADAS E FICOU SEM

PODER SAIR DE CASA VÁRIOS DIAS ...




MAS , ELE TINHA QUE FAZER ALGUMA COISA PARA AFETAR OS

ADULTOS DE ALGUMA FORMA ...

ENTÃO TEVE UMA IDEIA !!!

CHAMOU OS AMIGUINHOS PARA CONVERSAR E FAZER UMA GRANDE

REVELAÇÃO :


O COELHINHO DA PÁSCOA NÃO EXISTE ...

MAS COMO ??? QUESTIONARAM AS CRIANÇAS !!!

ELE EXPLICOU ...

OS PAIS QUE TEM MAIS DINHEIRO , OS FILHOS GANHAM

ATÉ OVO DE CHOCOLATE , OUTROS OVO PINTADO E OUTROS

NADA , O COELHO É UMA INVENÇÃO DOS SEUS PAIS !!!






E CONTINUOU ...

O PAPAI NOEL É OUTRA INVENÇÃO DELES ...

UMAS CRIANÇAS ATÉ CHORAVAM NÃO ACREDITANDO NA TAL

REVELAÇÃO ...

E ELE CONTINUAVA ...

PORQUE VOCÊS ACHAM QUE FULANO E FULANA GANHAM SÓ

BRINQUEDOS CAROS ???

BICICLETAS , CARRINHOS E VOCÊS NÃO ...

ELES TEM DINHEIRO PARA COMPRAR E OS SEUS PAIS NÃO !!!

SE O PAPAI NOEL EXISTISSE ELE NÃO IA FAZER DIFERENÇA ...






E AI VEIO A OUTRA GRANDE REVELAÇÃO ...

A CEGONHA NÃO EXISTE E NEM É TAMBÉM O AVIÃO

QUE TRÁS OS BEBÊS ...

ENTÃO COMO É ???

PERGUNTARAM ASSUSTADOS ...

É DA BARRIGA DA MAMÃE !!!

A MINHA MÃE ESTA ESPERANDO UM BEBÊ E ESTÁ NA BARRIGA

DELA , VOCÊS JÁ REPARARAM COMO A BARRIGA ESTÁ GRANDE ???

PARA NASCER É SÓ TIRAR DE LÁ CORTANDO A BARRIGA ( BOM , ELE

JÁ SABIA DA CESARIA E NÃO DO PARTO NORMAL) ...





NA CABEÇA DAS CRIANÇAS AQUILO FOI UMA GRANDE REVELAÇÃO ,

COMO UM CHOQUE ...

ESTA HISTÓRIA FOI UMA AMIGA QUE ME CONTOU ...

ELA FAZIA PARTE DESSAS CRIANÇAS DO VALE DA ESTAÇÃO E QUE

FICOU TAMBÉM CHOCADA NA ÉPOCA COM A TAL REVELAÇÃO ,

UM ACONTECIMENTO DE INFÂNCIA TRÁGICO NA ÉPOCA E

CÔMICO HOJE ...

MAS , PENSANDO MELHOR TOTALMENTE TRÁGICO NA ÉPOCA E HOJE ,

UMA PESSOA QUE NÃO PENSA ANTES DE AGIR , COMO FEZ O PAI DO

MOLEQUE , VIRA MONSTRO ...

UMA CRIANÇA VITIMA DE TAL MONSTRUOSIDADE PENSOU EM

VINGANÇA ...

ELA QUIS MOSTRAR QUE OS ADULTOS MENTEM TAMBÉM E NEM

SEMPRE ESTÃO CERTOS COMO QUEREM MOSTRAR !!!






SER CRIANÇA ,

É SONHAR ...

É CORRER ...

É BRINCAR ...

É O MUNDO QUERER ABRAÇAR ...

É SEMPRE TER A ESPERANÇA NO OLHAR ...

E NINGUÉM NESTE MUNDO TEM O DIREITO DE 

APAGAR !!!



GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER


terça-feira, 24 de janeiro de 2012

PARA UMA BOA REFLEXÃO ...







DEIXE A RAIVA SECAR




Mariana ficou toda feliz porque ganhou de presente um joguinho de chá, todo azulzinho, com bolinhas amarelas.
No dia seguinte, Júlia sua amiguinha, veio bem cedo convidá-la para brincar.
Mariana não podia, pois iria sair com sua mãe naquela manhã.
Júlia então, pediu a coleguinha que lhe emprestasse o seu conjuntinho de chá para que ela pudesse brincar sozinha na garagem do prédio.
Mariana não queria emprestar, mas, com a insistência da amiga, resolveu ceder, fazendo questão de demonstrar todo o seu ciúme por aquele brinquedo tão especial.
Ao regressar do passeio, Mariana ficou chocada ao ver o seu conjuntinho de chá jogado no chão.





Faltavam algumas xícaras e a bandejinha estava toda quebrada.
Chorando e muito nervosa, Mariana desabafou:
"Está vendo, mamãe, o que a Júlia fez comigo?
Emprestei o meu brinquedo, ela estragou tudo e ainda deixou jogado no chão.
Totalmente descontrolada, Mariana queria, porque queria, ir ao apartamento de Júlia pedir explicações.
Mas a mãe, com muito carinho ponderou:
"- Filhinha, lembra daquele dia quando você saiu com seu vestido novo todo branquinho e um carro, passando, jogou lama em sua roupa?Ao chegar em casa você queria lavar imediatamente aquela sujeira, mas a vovó não deixou. Você lembra o que a vovó falou?
- Ela falou que era para deixar o barro secar primeiro. Depois ficava mais fácil limpar.
- Pois é, minha filha, com a raiva é a mesma coisa. Deixa a raiva secar primeiro. Depois fica bem mais fácil resolver tudo.
Mariana não entendeu muito bem, mas resolveu seguir o conselho da mãe e foi para a sala ver televisão.
Logo depois alguém tocou a campainha.
Era Júlia, toda sem graça, com um embrulho na mão.
Sem que houvesse tempo para qualquer pergunta, ela foi falando:
"Mariana, sabe aquele menino mau da outra rua que fica correndo atrás da gente? Ele veio querendo brincar comigo e eu não deixei. Aí ele ficou bravo e estragou o brinquedo que você havia me emprestado. Quando eu contei para a mamãe ela ficou preocupada e foi correndo comprar outro brinquedo igualzinho para você. Espero que você não fique com raiva de mim. Não foi minha culpa."
"Não tem problema, disse Mariana, minha raiva já secou."
E dando um forte abraço em sua amiga, tomou-a pela mão e levou-a para o quarto para contar a história do vestido novo que havia sujado de barro.








Moral da História:
Nunca tome qualquer atitude com raiva.
A raiva nos cega e impede que vejamos as coisas como elas realmente são.
Assim você evitará cometer injustiças e ganhará o respeito dos demais pela sua posição ponderada e correta diante de uma situação difícil.
Lembre-se sempre:




             Deixe a raiva secar,


PENSE NISSO ...


E VOCÊ VIVERÁ BEM MELHOR !!!

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

AMOR DE MÃE ...

                     PRESENTE SEMPRE 






ESTAVA NA MINHA VARANDA ...

QUANDO ME CHAMOU A ATENÇÃO UM MOVIMENTO

DE PASSARINHOS ...

ERA ALGO DEBAIXO DE UM CARRO QUE ESTAVA

ESTACIONADO EM FRENTE A MINHA CASA ...

UM DOS PASSARINHOS ESTAVA MAIS IMPACIENTE ,

VOAVA BAIXO E IA DEBAIXO DO CARRO ...

UMA AMIGA VEIO PASSANDO NA RUA E EU PEDI

QUE ELA OLHASSE PARA MIM O QUE TINHA DEBAIXO

DO CARRO ...

ELA OLHOU E FICAMOS SURPRESAS ...

ERA UM FILHOTE DE PASSARINHO JÁ UM POUCO

GRANDINHO QUE COM CERTEZA CAIU DO NINHO ...

ACREDITO QUE ESTAVA UM POUCO TONTO E NÃO

FICAVA QUIETO ...

O PASSARINHO QUE ESTAVA MAIS IMPACIENTE ,

COM CERTEZA ERA A MÃE ...

FICAMOS OBSERVANDO O DESENROLAR DA SITUAÇÃO ...

CHEGOU MAIS PASSARINHOS E IAM DEBAIXO DO CARRO

E PARECIA QUE A MÃE FALAVA COM ELES ...

ELA NÃO DEIXAVA O FILHOTE SOZINHO , SAIA UM POUCO

MAS LOGO ESTAVA DE VOLTA ...

NO FINAL GRAÇAS A DEUS CONSEGUIRAM TIRAR

O FILHOTE DE LÁ ...

MINHA AMIGA OLHOU DEBAIXO DO CARRO E

REALMENTE ELE NÃO ESTAVA MAIS LÁ ...



SITUAÇÕES QUE NOS MOSTRA A PUREZA QUE

SE ENCONTRA NO AMOR DE MÃE ...

UMA CENA QUE NUNCA VAI SAIR DA MINHA

MEMÓRIA ...

A IMPACIÊNCIA DA PASSARINHA PARA SALVAR

O SEU REBENTO !!!















GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

VIVA COMO UM CÃO ...

                                                        E VIVA A VIDA



Nunca deixe passar a oportunidade de sair para um passeio.
Experimente a sensação do ar fresco e do vento na sua face por puro prazer.
Quando alguém que você ama se aproxima, corra para saudá-lo.
Quando houver necessidade, pratique a obediência.
Deixe os outros saberem quando invadirem o seu território.
Sempre que puder, tire uma soneca e se espreguice antes de se levantar.
Corra, pule e brinque diariamente.
Coma com gosto e entusiasmo, pare quando estiver satisfeito.
Seja sempre leal.
Nunca finja ser o que você não é.
Se o que você deseja está enterrado, cave até encontrar.
Quando alguém estiver passando por um mal dia, fique em silêncio, sente-se
próximo e gentilmente tente agradá-lo
.
Quando chamar a atenção, deixe alguém tocá-lo.
Evite morder quando apenas um rosnado resolver.
Nos dias mornos, deite-se de costa sobre a grama.
Nos dias quentes, beba muita água e descanse embaixo de uma árvore frondosa.
Quando estiver feliz, dance e balance todo o seu corpo.
Não importa quantas vezes for censurado, não assuma a culpa que não tiver e não
fique amuado... corra imediatamente para os seus amigos.
Alegre-se com o simples prazer de uma caminhada.








( AUTORIA DESCONHECIDA )


ELES NOS ENSINAM ... 
DEPENDE DE NÓS APRENDERMOS !!! 


GIOVANA CRISTINA SCHNEIDER

 Se o seu problema tem solução, então não há com o que se preocupar. E se o seu problema não tem solução, toda preocupação será em vão. (Provérbio Tibetano)

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

PARA UMA BOA REFLEXÃO (7) ...

                                      

                                         RECOMEÇAR





Não importa onde você parou... em que momento da vida você se cansou... o que importa é que sempre é possível e necessário recomeçar.
 
Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo...
 
É renovar as esperanças na vida e, o mais importante: acreditar em você novamente.
 
Sofreu muito nesse período? Foi aprendizado...
 
Chorou muito? Foi limpeza da alma...
 
Ficou com raiva das pessoas? Foi para perdoá-las um dia...
 
Sentiu-se só por diversas vezes? É porque fechou a porta até para os anjos...
 
Está se sentindo sozinho? Talvez você tenha afastado as pessoas no seu "período de isolamento"..
 
Acreditou que tudo estava perdido? Era o início da sua melhora...
 
Pois bem, agora é hora de reiniciar, de pensar na luz... de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
 
Tem tanta gente esperando apenas um sorriso seu para se aproximar.
 
Que tal dar um jeito no visual, fazer um novo curso ou realizar aquele velho desejo de aprender a pintar, desenhar, dominar o computador, ou qualquer outra coisa?
 
Observe quantos desafios a vida está a lhe oferecer!
 
Quanta coisa nova está esperando para ser descoberta!
 
Quando nos trancamos na tristeza, nem nós mesmos nos suportamos, ficamos horríveis.
 
O mau humor vai minando nosso fígado, até a boca ficar amarga.
 
Se você está se sentindo assim, com a sensação de derrota, é hora de recomeçar...
 
E hoje é um bom dia para enfrentar novos desafios.
 
Defina aonde você quer chegar e dê o primeiro passo.
 
Comece por fazer uma faxina mental, jogando fora todos esses pensamentos e sentimentos pessimistas que se acumularam ao longo do tempo.
 
Atire para longe os ressentimentos, as mágoas, os melindres que impedem a felicidade de entrar.
 
Desfaça-se desse sentimento de inferioridade, de incapacidade, e valorize-se. Você é o que fizer de você.
 
Em seguida, faça uma faxina no seu quarto. Jogue fora todo aquele lixo que você acumula há tempos, só como recordação do passado.
 
Papéis velhos dos quais você nunca precisou. Disco e fitas que você não irá mais ouvir, ingressos de cinema, bilhetes de viagens, e tudo aquilo que só traz recordações tristes.
 
Abra seu guarda-roupa e retire tudo o que não usa mais. Doe para alguém que precisa. Doe os calçados que apertam seus pés ou que não servem porque seu número não é mais o mesmo.
 
Para recomeçar é preciso abrir espaços mentais e físicos...
 
Depois que tomar essas providências, leia um bom livro, assista um bom filme, para alimentar sua mente com idéias positivas e otimistas.
 
Aproxime-se dos amigos, dos familiares, das pessoas alegres que ajudarão você a sustentar o bom ânimo e a coragem.
 
Evite, enquanto se restabelece, a presença de pessoas pessimistas e desanimadas. Só as busque quando estiver forte o bastante puder ajudá-las.
 
Busque um lugar calmo e eleve a Deus uma prece.
 
Mas comece agradecendo pela vida, pelas oportunidades renovadas, pelos obstáculos e desafios que surgem no caminho. Eles nos fazem mais forte quando os superamos.
 
Lembre-se: o dia de hoje é uma página em branco que o Criador lhe oferece para que você escreva um novo capítulo da sua história.
 
Recomeçar é só uma questão de querer. Se você quer, Deus quer. É por isso que Ele acena sempre com essa nova chance chamada presente.
 
Pense nisso e não perca nem mais um minuto!
 


Autor:
Equipe de Redação do Momento Espírita, com base em texto de Paulo Roberto Gaefkeno, do livro Decidi ser feliz